SEGUIDORES

sábado, 9 de abril de 2016

aconselhamento: Um bom marido, porém, pouco carinhoso.

Pastor:
 Sou casada a 08 anos e sempre fui submissa a meu marido. Quando havia um clima pesado, uma discusão, sempre me calava ao pedia perdão para que a situação não piorasse. Os primeiros anos foram uma benção, casei virgem e tudo era perfeito, mas observei que ele não era muito carinhoso, sempre relevei pois acreditava que na infancia ele não aprendeu o que é carinho. Mas os anos se passaram e parece que o romance acabou, acontece de forma esporádica. Hoje estou mais dura , agressiva com as palavras. Ele faz tudo por mim, renuncia a própria  vida, mas sinto falta do carinho de palavras amorosas, não sei o que está acontecendo. Ele é tudo o que tenho, é meu amigo, namorado, amante, minha vida. O que faço me ajude.
RESPOSTA:

Olha você reconhece os valores que ele tem, chegando a dizer o quanto ele significa para você, isso é bom, uma razão para lutar por esse amor. Leia o livro de Cantares ali encontrará muitas dicas românticas, sendo a sulamita uma mulher provocante, que se arrumava, perfumava, preparava o ambiente para uma noite fora de casa, certamente, uma mulher de atitude no quesito sexual. Há pessoas que de fato são pouco românticas, porem, isso as vezes é compensado com outras virtudes, como no seu caso.  Antes de ficar triste por ele não ser carinhoso, romântico como você gostaria que fosse, seria interessante ensiná-lo , provocar nele esse comportamento. E como fazer isso? É falando do que você gosta, é valorizando bastando o menor do gesto romântico que ele tiver, é não criticando, mas falando de seus sentimentos, do quanto isso faz bem a você. Ensine ele a comprar flores ( mesmo um vasinho mais barato) ,   Penso que você deve ser proativa e não reativa. Procure o seu marido amante, façam um programa a dois, recomece o romance, antes que o coração dele fique longe demais. Provavelmente a sua linguagem de amor é tempo com qualidade, elogios e toque físico, e isso quem sabe esteja contrastando com ele, que pelo jeito , ama fazendo coisas, de maneira que ele pode estar gritando "eu ti amo" quando faz algo para você , mas você não escuta por causa que esperava um toque, um elogio, um tempo exclusivamente seu e dele. 
E Lembre-se que para o homem carinho é sexo, então, o caminho é esse.O homem dá carinho quando recebe sexo, e a mulher dá sexo quando recebe carinho, é um ajuste necessário.
Agora, você diz que esta seca com ele, isso não é bom, pois mesmo que ele não seja romantico, na verdade, do jeito dele, gosta da proximidade, do sexo e tal, e fazendo assim, as coisas pioram, vou até te sugerir um livre Amor e Respeito de Emerson Eghericks, ali o autor fala das prioridades masculinas e femininas num relacionamento e o que fazer quando as coisas não são como desejamos. Resumindo, seria isso: Iniciativa, atitude, isso vai ajudar, enquanto afastameno só vai piorar. Sempre que você tiver que escolher entre distanciamento e proximidade, escolha o último sempre, pois assim não abre espaço para intrusos. As vezes é preciso aprender amar com um amor perceptível mesmo quando o outro não está merecendo, porque em algum momento ele vai se dar conta.
Abraços. Pr Ismael

19 comentários:

Anônimo disse...

Olha pr.Ismael eu por um momento me deparei com essa irmã e sua queixa,achei dura a resposta apesar da verdade,mas eu acho que quando agente passa por situações onde o descaso do homem é grande é dificil aceitar essa resposta pq na verdade agente como ser criado por Deus p/ receber do homem carinho afeto e proteção se torna muito dificil oferecer sexo p/ ele quando ele nem sequer te olha no dia e a noite acha que devemos estar prontas feito uma maquina,segundo que ouço nas palestras dos casais os homens deveriam preparar suas esposas desde do inicio do dia p/ a noite ter uma super esposa,mas perdão da palavra na maioria dos casos os homens tratam suas esposas como se fossem estranhas ou seja como uns cavalos e a noite querem sexo me poupe acho que tem coisa errada ai, o que deveria acontecer na verdade mesmo que eles colocassem em pratica o que ouvem e teriam um vulcão de mulher ao se lado,esse negócio de colocar temor na gente sobre dar lado p/ eles nos trairem é desculpa quando fazem isso pq não tem carater mesmo se fosse por isso eu teria que ser a pior prostituta da face da terra buscando me suprir com outros e eu jamais faria isso até pq homens só muda o endereço é td a mesma coisa,esse negócio de até que a morte nos separe deveria ser retirado pq as vezes corremos o risco de nos tornarmos assassinas pq aguentar o descaso dos homens é fogo, TV e Computador tem muito mais valor que dar um carinho,dedicar um tempo p/ sua esposa,quem vos fala é uma mulher sofrida,carente e quase sem esperança de reverter o caso,sobrevivo pq tento buscar Deus e as vezes até isso se torna dificil,mas creio na transformação pq p/ Deus não há impossivel, isso que nos consideramos cristãos e tem esses conflitos imagine o Sr. as familias que não buscam Deus que caos deve ser,estou casada a 28 anos e o fardo esta muito pesado.desculpe o desabafo mas falo por muitas mulheres com certeza...Abrs

Anônimo disse...

Tem toda razao senhora anonima, os aconselhamentos devem prezar o facto de que se um nao quer, dois nao fazem, o casamento e feito a dois...cabe ambos engajarem-se em prol de um beneficio comum..
Manter um casamento solido pelos vistos nao e uma tarefa facil, como tambem devemos nos conscencializar que nunca e possivel termos tudo nesta vida.quando ele e carinhoso nao e fiel, quando e fiel nao e atencioso porque alguma outra coisa chama mais a atencao dele, enfim...
Sem ignorar o facto de que as vezes se trata de uma fase que uma dose de paciencia resolve, porque afinal o amor e isto, e aturar, e ser aturada, e aprender junto ate morrer, e ensinar coisas que se calhar ja deveria ser do conhecimento de um mas que na altura nao houve oportunidade, e se dar oportunidade, resumindo em uma so palavra tolerancia, assim como Jesus tem sido connosco, infinitamente tolerante...
Por isso mais importante que tudo caras esposas, busque sempre a sabedoria de Deus, porque Ele nunca nos disse que seria facil, mas sim que ultrapassariamos tudo se fossemos sabias, a sabedoria nos da honra, exactamente quando os nossos maridos nos respeita, quando nos deseja, quando nos ouve nos sentimos honradas...Que Deus viva nos vossos coracoes..como Ele vive no meu.

Anônimo disse...

Que Deus viva nos vossos coracoes como Ele vive no meu..LNML

Anônimo disse...

mulheres nao sao maquinas de sexo mesmo.... o maios prazer de uma mulher e receber o carinho do homem amado. como se nao bastasse cuidar dos filhos que exigem muita exigencia da gente, trabalhar fora para ajudar a sustentar a casa, nos arrumar para ficarmos belas(e os maridos nunca reparam, agora temos que dar sexo com medo de traiçaso??? sem prazer? sim pq qndo nao ha carinho do homem nao ha prazer, vira obrigaçao! homens tem a mania de achar que suprem nossa nescessidade com bens materiais mas estao totalmente enganados... o carinho e muito mais importante! queremos maridos que cheguem em casa felizes por estarem conosco e com a familia, que dediquem o tempo que tem pra gente, chega de tv e computador!!! o pastor tambem esqueceu de falar que os maridos tambem tem quem dar carinho para nao serem chifrados. nao finjam que esta tdo bem homens, nao sao apenas as mulheres que tem que dar pra receber. quem nao da assistencia abre espaço pra concorrencia e isso serve para homens e mulheres!!!

Anônimo disse...

EU CONCORO COM O SEU DESABAFO MINHA IRMÃ TENHO 49 ANOS SOU CASADA HA 31 ANOS MEU ESPOSO TBM É UM BO MARIDO, E SERVO DE DEUS MAIS ÑAO E NADA CARINHOSO, ELE É UMA PESSOA MUITO EXPLOSIVA E EU MITAS VEZES AGUENTANDO CALADA PARA EVITAR DISCURSÃO, MAIS ISSO NOS CAUSA MUITO DESGASTE, P/ QUEREMOS CARINHO E ATENÇAO!!

Anônimo disse...

Não coloco meu nome porque não vem ao caso, e também um desabafo. Hoje falei com meu esposo que estava precisando de uma palavra amiga, um carinho, ele achou ruim , falou q eu estava cobrando , mas eu disse que não era cobrança mas que estava carente. Não é somente sexo a mulher quer se sentir amada, e não me sinto assim.
Ele é cristão , conhece a palavra, mas é grosseiro passei muito tempo de casada calada e tentando ser uma esposa submissa e fiel, mas ta dificil, ele se preocupa mais com os negocios dele.
Pelo menos é isso que vejo! nas igrejas fala p sermos sabias e submissas, mas ja tive ate depressão por aguentar as grosserias calada, e quabdo quero conversar ele não deixa!
Por isso muitas mulheres sai de um casamento frustada, por ter se dedicado anos de sua vida a um homem que não deu valor! descupe! passo por isso , oro busco a Deus e o meu marido não é incredulo é servo de Deus mas me magoa muito. Até quando? obs: 90% das irmas da minha igreja reclamam pela indiferença dos seus maridos!!

Anônimo disse...

Paz! Eu conheço bem essa situação. Quem tem q mudar é o marido e não ela que sofre pela falta de carinho dele. É ele que precisa fazer o exercício de demonstrar amor através do carinho, pois quem sente falta disso é a esposa. Não sei o que está acontecendo com os homens que entram num relacionamento como completos ignorantes. Hoje em dia tem mutos livros para orientar os casais, sem contar os filmes que abordam muito essa questão do homem apático que empurra a própria esposa pra outro homem ou pra depressão. São desligados, fingem que está tudo bem e a pobre da esposa é que sempre tem q pagar o preço pra manter o casamento. Eu me sinto exausta com isso.

Anônimo disse...

Meu marido tambem é bem frio comigo, seco e indiferente. Incapaz de me fazer um carinho e dizer uma palavra gostosa de ouvir a não ser quando quer sexo. Esta sempre ocupado com os seus afazeres, chega em casa ja vai pra tv, raramente sai comigo. Sou uma boa esposa, nao deixo faltar nada pra ele, sou carinhosa, atenciosa, gosto muito de sexo.. Estamos casados a apenas 2 anos, juntos a 6 e posso afirmar que o casamento piorou o nosso relacionamento pq eramos mais felizes no namoro. Ja peguei ele flertando pelo facebook com uma mulher do trabalho (ele dizia coisas pesadas, pra mim isso é traição),, nao temos filhos, eu quis a separacao e ele impediu. Resolvi tentar mais uma vez mas a indiferenca é tanta de sua parte que meu sentimento diminui a cada dia. E ele é pastor.

Anônimo disse...

olha e muito dificil para nos mulheres, aceitarmos sexo somente quando o homem quer.Submissao ate que ponto,quase sempre somos humilhadas, maltradas, por nossos parceiros com palavars e ate mesmo na ausencia delas, sou casada e quase nunca ouço 1 elogio d aboca do meu esposo.isso me faz mal, me sinto oprimida, angustiada adoece a alma,so me proucura quando quer sexo , quando eu estou afim finge sentir dores se vira de lado de bruço, para nao ter motivo de encostar em mim...estou cansada , farta d etudo isso vejo a hora que vou acabar traindo por ele sr assim ...vai maatndo o que agente tem d e melhor...

Anônimo disse...

amadas acho q devemos ler o livro como mudar oque mais irrita no casamento...ele tá me mudando mtooo...e em nome de Jesus vai mudar meu marido tbm....leiam garanto q não vão se arrepender...

Anônimo disse...

É triste estar casada e viver como se estivesse sozinha. Os homens geralmente não aceitam que o erro está neles. Conversar às vezes piora a situação tamanha é a ignorancia do abençoado. A mulher precisa SIM de carinho, de atenção ... e muitas vezes o marido não se atenta para isso e faz minguar o seu casamento, distrói tudo, simplesmente porque se acha o dono da razão. Cuidado maridos! O seu casamento é um bem que Deus confiou ao casal e não somente a esposa, então cuidem com carinho desse bem. Que Deus abençoe a todos!

A Força da Educação disse...

Eu sou católica praticante e meu marido tb, mas como Deus é um só, n tem problemas de eu desabafar com vcs, tem? Vou fazer 6 anos de casada, e meu marido foi uma pessoa mto sofrida, mas quem n foi? Deus nos uniu qdo ainda estavamos na universidade, ele era diferente, carinhoso, dedicado, cassmos depois de 6 meses de namoro, porém, após o casamento, ele mudou, achei q fosse normal e logo voltaria o q era. Mas o tempo foi passando e nada, é um homrm bom, trabalhador, educado, passeamos, viajamos, qdo estive doente, cuidou de mim, otimo cozinheiro, cuida da casa, é meu amigo, e com o tempo, pude perceber q era isso q estavamos nos tornando, amigos. N me procura se eu n procura-lo, tdos dizem q os homens pensam mto em sexo, mas pelas reclamações de vcs e das minhas, percebo q esses homens estão falhando, acho q nós mulheres pensamos mto mais q eles, e isso é estranho, pq o homem q tem a fama de sentir vontade a tdo momento. Bem, comecei a observar, q meu marido n me tratava mais como esposo, e sim como amiga, e isso me incomodou, n quero somente um amigo, quero um amigo, marido, amante.... Eu sempre procuro ser carinhosa pra ver se recebo de volta, as vzs ele ainda me empurra, estou ficando c vergonha de ser carinhosa com ele. Nem segurar fm minha mão ele segura, estou c a alto estima baixa, n quero me arrumar, e choro mto. Me ajudem meninas, algum conselho?

Pastor Ismael R.Carvalho Carvalho disse...

Irmãs que acima se manifestaram, deixe-me, tentar melhorar a minha resposta inicial onde disse para a aconselhada estar feliz da vida pelo marido que tem e que procurasse ser mais ativa, tomando por base o comportamento da sulamita, esposa de Salomão, no livro de Cantares.
Pois bem, tenho aprendido que a maior reclamação das mulheres casadas é a falta de carinho por parte de seus maridos. Tanto isso é verdade que escrevi um ebook "Marido encantador, mulher desejável". No caso inicial a irmã disse sobre o seu marido: "Ele faz tudo por mim, renuncia a própria vida, mas sinto falta do carinho de palavras amorosas, não sei o que está acontecendo. Ele é tudo o que tenho, é meu amigo, namorado, amante, minha vida. O que faço me ajude." Oras, é ela quem está dizendo que ele é tudo para ela, faz tudo, é amante, amigo, namorado, e etc, entretanto, é um homem de pouca habilidade com as palavras e por isso não costuma lhe dizer coisas românticas aos ouvidos. Tomo por mim, muitas vezes , pego minha esposa de passagem pelos corredores da nossa casa e eu a seguro e a abraço, num abraço terno, demorado. Depois sem uma palavra eu a libero daquele abraço e toco a vida. Então fico pensando, será que ela também sente falta de palavras, será que os gestos não foram suficientes para falarem por si mesmos?

Então minhas irmãs queridas, as vezes o problema é real e duro demais, porém, há situações em que há um erro de leitura dos sinais amorosos. Parece-me, ainda, que há casos, onde há uma fome quase insaciável de romantismo, de palavras doces, chegando as raias de melosidade, então de fato, não será muito fácil encontrar homens assim, embora conheça alguns. Deve haver em ambos, homens e mulheres, um nível de equilíbrio em tudo, até na manifestação de carinho e apreço, para que se desvalorize e se banalize.
E para os homens eu digo, tome juízo, aprenda a ser amável com palavras e tenha cotidianamente gestos de ternura com sua esposa, é uma necessidade dela, não custa, não toma tempo, e faz bem para a alma.

Quanto aos comentários da irmã "Força da Educação", de fato alguns valores se perderam rápido demais, mas nada assustador, seu marido é um grande marido, talvez não tenha o mesmo impulso sexual que você, o que também é normal, não podemos generalizar e viver com a ideia de que todos os homens são loucos por sexo, e nem tampouco imaginar que todos as mulheres não se importam muito com o sexo. São dois extremos que devemos evitar. O que eu achei mais ruim, até grave, foi quando você diz que quando você o provoca, faz-lhe carinho, algumas vezes , ele até te empurra, te evitando. Isso é mau e desanimador. Talvez seja o caso, de se investigar qual o tipo de amor que ele se move, será que ele é um daquelas pessoas que se amam através de "ações de serviço"? Pode ser, pois ele cuidou de você na sua doença, arruma a casa, coisas que nem sempre são comuns aos homens. Caso seja isso, e você sendo alguém cuja lingagem de amor é o toque fisico, imagina, que desencontro, ele arruma a casa pensando que está demonstrando amor, enquanto isso, você num canto da casa resmunga: " Esse miserável não me dá um abraço sequer." Talvez falar sobre as lingagens de amor de ambos possa ser um caminho de cura. Pense nisso, abraços Pastor Ismael.

Anônimo disse...

Ola, vou ser bem sincera,por isso existe tanta traição, pessoas sendo trocadas por computador, tablet,celular,e afins e maridos que confudem sexo com carinho, como o meu que quando estou naqueles dias, nem olha direito na minha cara, parece que sou sua mãe, por isso que muitas pessoas sem temor a Deus traem, buscam na rua o que não tem mais em casa!!!

Anônimo disse...

Ah,entendi Pr. Quer dizer que a culpa do marido dessa irmã não ser carinhoso com ela é culpa dela e não dele???Achei o sr. um tanto corporativista na sua resposta e a Bíblia deixa bem claro que o homem tem que amar a sua esposa como Cristo ama a igreja. E isto implica em oferecer carinho e atenção. Caso isso não aconteça, essa irmã so vai ficar se doando, até cansar de vez e num surto psicótico, abandonar esse marido qua não dá um pingo de valor à esposa que tem.

Anônimo disse...

Exato. O grande mal dos homens esta em agir movidos por interesse. Nos, mulheres, damos o sangue e a alma em tudo que colocamos a mão... Amamos o marido, o filho, cuidamos da casa... E so queremos que eles vejam que ainda somos mulheres. De que adianta so receber elogios quando estamos vestidas de forma espetacular? E no dia a dia quando somos nos mesmas, nem sequer recebemos um "bom dia"?!
Me doi andar na rua, sendo deixada pra trás, ele andando apressado, nem sequer pega na minha mão. De manha nem me olha quando acorda. A noite, nem boa noite. Eu que tenho que tomar iniciativa todo dia, toda hora, todo tempo. Não devo ser mais interessante. Me olho no espelho e vejo uma mulher bonita. Mas no dia a dia, pela falta de iniciativa me sinto um monstro. O celular, o tablet... esses demonios tomaram o meu lugar. To cansada de agir, de tomar as rédeas da situação... Todo santo dia... E so o que ouço são observações "construtivas" sobre meus defeitos e itens a melhorar... Sera que so tem defeito em mim?! Quando namoravamos eu era "perfeita". Já deu pra mim.

Unknown disse...

Ola me chamo lorrayne estou casada a 3 anos tenho um filho de 1 ano e 8 meses .
Meu esposo é uma pessoa maravilhosa com mts qualidades, amo mt ele , mas ele sempre me fez chorar , com palavras duras ele tenta me impor algo , sempre joga na minha cara qe eu nao sou carinhosa mas sou sim .
Ele so espera receber nao retribui ..
Sempre que algo acontece independente do que for ele sempre procura uma forma de me colocar como culpada .
Nosso filho fica doente ele diz que a culpa é minha .
Se alguem inventa algo sobre nos ou algum de nos , ele sempre me poe como culpada .
Eu prometi pra mim mesma que iria chorar mas quando ele brigase comigo , mas nao suportei , estive no hospital com meu filho durmi com ele la , ele chamando o pai e ele nao estava .
Nunca vai comigo no medico , e diz que tudo relacionado a isso é minha obrigação .
Sinceramente estou cansada de implorar mudança , estou me fechado e me transformando no que eu nao quero ser , amo mt ele , mas me doi o coraçao ver as pessoas com o esposo acompanhando nos medicos , comemorando aniversario um dos outros , aniversario de casamento .
Eu sempre comemoro fazendo algo pra nao passar em branco , mas ele nao copera.
Preciso muito de ajuda , quero ter uma marido bom pra mim e pro meu filho , estou desposta a fazer o que for preciso .
Obrigado , espero a resposta

Anônimo disse...

Vim aqui tentando buscar uma ajuda. Pq o meu problema é bem parecido com o problema principal aqui citado e li quase tudo que foi postado aqui.
Pra ser bem honesta a primeira resposta do pastor foi muito útil pra mim. E as demais postagens vi mulheres que como eu estão sofrendo em seus casamentos, e que por vezes estão sabendo mais do papel e obrigações de seus maridos do que os seus próprios. Olha amadas estou sofrendo tanto que ah dias não durmo direito, perdi o apetite, tem momentos que não sei o que fazer, não posso falar com minha mãe pq pra ela o divórcio é uma solução rápida e prática (PARA MIM DIVÓRCIO NÃO EXISTE, OU MELHOR SÓ EXISTE PORQUE O CORAÇÃO DO HOMEM É DURO).
Já questionei a Deus, já cheguei ao ponto de me indignar com Deus questionando se meu marido é o cabeça pq tenho que colher as consequências ruins de suas decisões? A resposta foi muito simples: __ AS BOAS VC QUER, NÉ?! A minha vontade é que vc seja submissa a seu marido como vc é a mim.
Tem um livro com o título CRIADA PARA SER UMA AJUDADORA IDÔNEA e nele tem um capítulo que foi elucidador pra mim, MAS ADMITO QUE AINDA NÃO ALCANCEI A PLENITUDE, onde o versículo central é um muito conhecido isso se não for por todas que diz A MULHER SABIA EDIFICA SEU LAR E A TOLA O DESTRÓI... Pra mim sempre ficou uma pergunta qual a sabedoria que edifica? Qual tolice destrói? Nesse mesmo capitulo tem a resposta A PALAVRA DE DEUS É O PRINCIPIO DE TODA SABEDORIA... Nesse sentido creio que o que o pastor fez foi apenas orienta-la a agir com sabedoria.
Nas coisas que ele disse eu estou sendo falha em muitas delas, e vou tentar mudar.
Por outro lado tb creio que meu marido precisa mudar tb. O que posso fazer é pensar na forma de dizer e faze-lo compreender meu coração e minhas necessidades.
Em Thiago esta escrito que Deus da sabedoria a quem pede. Estou aprendendo a orar e pedir a Deus que me dê sabedoria e encha o meu marido tb e dê a ele condições de discernir meu coração.
Sabe é isso, nem sei se me expressei direito, mas se alguém quiser clamar a Deus pela minha vida sinta-se a vontade.

Anônimo disse...

Verdade total das duas irmãs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...